Loading...

sábado, 18 de setembro de 2010

Atletismo adaptado para cegos

Histórico
Considerado o esporte-mãe de todos os outros, o atletismo possui, por sua natureza, possibilidades de ser praticado por qualquer indivíduo, independente de suas características físicas. Composto de provas de pista (velocidade, rasas, fundo e com obstáculo) e campo (arremesso, lançamento e salto), esta modalidade tão difundida mundialmente potencializa movimentos naturais dos seres humanos como correr, saltar e arremessar.

Regras

Por ser um esporte democrático e acessível, o atletismo adaptado para deficientes visuais possui como base as mesmas regras do atletismo convencional, fazendo-se necessárias apenas algumas poucas adaptações. Os esportistas são classificados segundo seu nível de deficiência visual: B1, B2 e B3. O atleta B1 (com visão próxima ou igual a 0%) obrigatoriamente compete utilizando um óculo opaco, para bloquear a entrada de luz e anular qualquer percepção visual. Em provas de pista, ele possui o direito de utilizar duas raias, além do atleta guia.O guia é um atleta que enxerga normalmente e que corre ao lado do deficiente visual (nunca na sua frente), dando-lhe coordenadas para evitar que ele invada a raia de outro competidor. O atleta e o guia são unidos por uma corda com tamanho máximo de 50 centímetros. Em provas de campo, o acompanhante tem a função de posicionar o atleta cego no local correto dos saltos e arremessos, além de indicá-lo a direção a ser seguida. Para o atleta B2, o guia é opcional, mas ele terá duas raias à sua disposição. Já o atleta B3 não possui direito ao guia e tampouco a duas raias.O atletismo para pessoas com deficiência visual é constituído pelas provas de 100 m, 200 m, 400 m, 800 m, 1500 m, 5000 m, 10000 m, salto em distância, salto triplo, arremesso de peso, lançamento de disco e dardo, revezamentos 4 x 100 m e 4 x 400 m, além da tradicional maratona, todas nas categorias masculina e feminina, nas classes B1, B2 e B3.

24 comentários:

  1. É uma ótima proposta através do atletismo em possibilitar a pessoa deficiente visual a condição de exercer sua cidadania, tendo capacidade de gerar autonomia e deixar exclusivamente dependente de outras pessoas em todas as suas ações.

    ResponderExcluir
  2. É importante ressaltar o atletismo para deficientes que através do esporte adaptado, procura demonstrar de uma maneira simples e objetiva que o deficiente visual tem totais condições de praticar esportes tão bem quanto uma pessoa não deficiente, mostrando a autoconfiança em sim mesmo, alcançando seus objetivos e tornando-os mais seguros.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Muito importante essa inclusao dentro do atletismo, pois e importante que eles se sintam capacitados e desenvolvam autonomia, socializaçao e diversos fatores. hoje acredito que ja temos um publico muito maior de deficientes no atletismo e em outras modalidades, isso e interessante para todos nos, pois com certeza estaremos tornando-os mais seguros no dia-a-dia.

    ResponderExcluir
  6. E de muita importancia os esportes adaptados, eles resgatam a alto estima do deficiente, e faz com que ele descubra coisas que ele nunca imaginaria conseguir atravez do esporte.

    ResponderExcluir
  7. A impórtância do esporte adaptado para deficientes, seja eles qual for, visual, auditivo ou físico, é para mudança de vida pelo esporte adaptado e pelo direito de cidadãos de todos.

    ResponderExcluir
  8. O esporte adaptado para deficientes, seja qual for à deficiência, é de grande valia, pois ajuda em sua formação emocional e física. Sendo assim vitoriosos por romperem barreiras e superarem com seus próprios esforços os seus medos. Se formando cidadãos firmes, convictos e conquistando seus espaços na sociedade. Contudo, o Atletismo Adaptado para Cegos, prova a capacidade de um deficiente visual, conseguir praticar esportes como qualquer outra pessoa, se destacando com sua força de vontade e com sua determinação.

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. De fato é muito importante a inclusão de pessoas com deficiência visual no atletismo, pois lhe são dadas o direito de exercerem a prática esportiva(de forma adaptada ao seu grau de deficiência), assim não enfatizando de certa forma a exclusão social.

    ResponderExcluir
  11. é fundamental q o esporte adaptado seja realmente bem acessível aos indivíduos q possuem deficiencias fisicas para que não haja qualquer tipo de constragimento pelo praticante, o estimule sempre a continuar praticando atividades físicas e até mesmo a ajudar a ingressão de novos praticantes através da divulgação dessas atividades.
    é bom q a cada dia os esportes adaptados se atualizem mais para que suas regras e mobo de executar as provas facilitem os praticantes e melhore o condicionamento físico deles e nunca os impessam de praticar, até porque, viver eé se movimentar e as pessoas q possuem uma deficiencia física não podem deixar de viver.

    ResponderExcluir
  12. Esporte é saúde. É importante adaptar as modalidades para deficiêntes. No caso do atletismo, os deficientes visuais podem praticá-lo com poucas alterações, além de melhorar o condicionamento físico dos deficientes, melhora também a auto estima, não deixando que eles se sintam marginalizados pela sociedade.

    ResponderExcluir
  13. Muito importante. Esse tipo de informação é legal pois muitas pessoas não tão envolvidas quanto nós profissionais de Educação Física de repente não conhecem os esportes adaptados e podem achar que pessoas com algum tipo de deficiência não pode levar uma vida esportista normal.

    ResponderExcluir
  14. É muito importante essa iniciativa de mostrar aos deficientes visuais que eles também podem exerce a sua cidadania e que tem os mesmos direitos de fazer as mesmas coisas que qualquer um. No caso através do esporte, o atletismo modalidade tão conhecida mundialmente agora com as mesmas regras mais adaptado e sendo usado por cegos com muito êxito.

    ResponderExcluir
  15. Muito Interssante o texto, como já disse nas postagens anteriores, porém de outra matéria, quero trabalhar com isso, e é super interessante ver como podemos trabalhar com deficientes visuais com um esporte como o atletismo para ajuda de superação e cuidado físico e pessoal

    ResponderExcluir
  16. Não podemos mensurar como é estar na situação de conviver com esse tipo de diferença, mais podemos demostrar que apesar das diferençãs todos somos iguais. Em vista disso temos o dever de tentar proporcionar a igualdade de todas as maneiras, e o esporte é uma forma de trabalharmos a unificação e a igualdade de todos.

    ResponderExcluir
  17. É de grande importancia que seja trago os esportes adaptados para deficientes,
    pois eles tem um potencial e talento como os "normais" e acho importante que hoje os profissionais ja estejam mais preparados e estejam abrindo mais oportunidades para que eles possam se integrar ao esporte,fazendo com q se sintam inserido no meio social e se sentirem mais seguros para desenvolver a autonomia.

    ResponderExcluir
  18. De grande importância , o esporte adptado para deficiêntes , pois eles desevolvem a deficiência que têm , mas no caso do atletismo para cego adaptado , o sentido da visão é substituido pelo sentido do tato e audição , e muito importante ressaltar , que o instrutor ajuda eles nesses dois sentidos .

    ResponderExcluir
  19. é fundamental que o esporte adaptado seja realmente bem acessivel para não podemos criar um tipo de barreira pois desenvolvem grande partes dos sentidos

    ResponderExcluir
  20. Muito interessante o esporte com esta adaptação pois contribui no desenvolvimento fisico e emocional do deficiente visual.Este esporte contribui tambem na inclusão desses atletas nos esportes, com isso eles nao sentem se discriminados

    ResponderExcluir
  21. o esporte adaptado faz com que o deficiente obtenha o poder da superação. é fato de que o atletismo e diversos outros esportes pode ser praticado por qualquer pessoa independente de ter alguma dificiencia.

    ResponderExcluir
  22. Achei muito interessante pois mesmo sendo deficientes podem usar as mesmas regras dos atletas não deficientes,só com algumas adaptações que precisão ser feitas para auxiliar os deficientes.

    ResponderExcluir
  23. Mais uma vez, mostrando que os deficientes são pessoas comuns, competindo com as mesmas regras, tendo que utilizar apenas algumas adaptações para que possam realizar com êxito suas atividades.

    ResponderExcluir
  24. Este esporte, como vários outros, dará mais autonomia ao portador de deficiência, assim como promoverá sua inclusão social. Além é claro, de proporcionar uma ótima melhora de vida para o indivíduo, evitando assim a ociosidade.

    ResponderExcluir